Os primeiros meses do ano são essenciais para as Instituições de Ensino Superior. O período de alta da captação do primeiro semestre acontece entre o início de janeiro e o final de fevereiro e costuma concentrar cerca de 34% da captação.

Não é pouco e as instituições precisam estar atentas e dedicadas à implantação de estratégias que tenham o objetivo claro de trazer novos alunos para as salas de aula.

Em 2021, este período ainda conta com um fator adicional: a mudança do Enem. Mesmo com a divulgação das notas apenas no final de março – fato que pode ocasionar um segundo período inédito de alta -, a aplicação do exame e o envolvimento dos alunos com esse momento traz um senso de urgência para um grande contingente de estudantes, que passarão a buscar as opções mais adequadas para o ingresso no Ensino Superior.

Por isso, um grande diferencial na captação é desenvolver uma estratégia que inicie nesse importante momento e que também contemple os meses de março e abril. Mas, qual a melhor estratégia para este ano? Nossa resposta é: marketing digital. Veja só!

Marketplaces e o consumo digital

Você já deve ter ouvido falar em Airbnb, Magazine Luiza, Mercado Livre e Americanas. O que eles têm em comum? Todos são marketplaces, ou seja, abrigam, em sua estrutura, ofertas de diversos vendedores.

A vantagem dos marketplaces para o consumidor é que em um mesmo lugar ele encontra diversas ofertas para o que busca. Assim, é possível compará-las e fazer a compra mais adequada.

E o sucesso deste modelo é gigantesco. Segundo pesquisa desenvolvida pela Ebit|Nielsen, os marketplaces representam 78% das vendas on-line do varejo. Isso significou um faturamento de R$30 bilhões apenas no primeiro semestre de 2020.

E a preferência do consumidor por eles já foi ampliada para outras áreas, incluindo a educação. Os alunos buscam as melhores oportunidades para o curso superior e, caso as encontrem em um mesmo ambiente, as chances de conversão se tornam maiores.

Portanto, em um período de distanciamento social, com a sazonalidade modificada e em uma realidade atípica, os marketplaces são uma estratégia essencial para garantir altos índices de captação, ainda mais no período com o maior volume de novas matrículas do ano.

Marketing digital nos marketplaces

Nos mecanismos de busca dos marketplaces, as ofertas exibidas nas primeiras páginas são as mais atraentes para os usuários e, dessa forma, apresentam maior potencial de conversão. É um sistema semelhante a outras ferramentas de busca como o Google, por exemplo.

Por isso, para garantir o sucesso das suas ofertas, nestes ambientes, alguns pontos são essenciais:

  • Entender a demanda e oferecer um portfólio competitivo;
  • Antecipar as ofertas e entender que as instituições que saem na frente têm mais chances de conversão;
  • Facilitar o ingresso dos alunos, por meio de soluções digitais para processo seletivo;
  • Dedicar esforços de budget para ações que mesclem ofertas orgânicas e patrocinadas.

Como dissemos, o período entre janeiro e março é de grande concentração de buscas e representa até 34% da captação do semestre, portanto concentrar os esforços neste período é uma estratégia importante, principalmente neste ano, com a nota do Enem apenas em março.

Alcance pago: estratégia para alavancar a sua captação

No marketplace da Quero Educação – o Quero Bolsa – uma estratégia para alavancar a efetividade da captação, em um curto período, é investir no alcance pago, que chamamos aqui de QB Turbo. Afinal, ele tem essa função: turbinar a sua captação.

Para que você entenda melhor a dinâmica, o algoritmo do marketplace da Quero determina as ofertas que aparecem nas primeiras páginas com base em algumas variáveis, como os números de visitas nas ofertas, cliques na área  “quero essa oferta” e outros índices que mostram o interesse dos alunos e as possibilidades de conversão.

Ao realizar uma ação de comissionamento, a Quero consegue elevar a relevância da oferta, melhorando o posicionamento e aumentando as possibilidades de conversão. Este valor é negociado com a instituição, que tem liberdade para apresentar seu budget para a ação. Por meio de mecanismos de análise de dados, a Quero desenvolve uma projeção de captação com base neste orçamento.

Para que você tenha ideia dos resultados já obtidos, após uma ação de comissionamento, uma instituição de médio porte conseguiu um crescimento de 260% no marketplace, quando comparado com o mesmo período do ano anterior. Confira esse desempenho:

 

Portanto, dedicar esforços para uma estratégia de comissionamento no marketplace pode trazer resultados substanciais para a instituição, ainda mais quando somados aos resultados orgânicos.

Para entender melhor esta dinâmica, converse com o seu gestor de contas na Quero.

Marcelo Lima
por Marcelo Lima
Marcelo Lima trabalha para colocar estudantes na sala de aula há mais de 20 anos, como profissional de marketing educacional já trabalhou com mais 250 faculdades. É um dos pioneiros do EAD no Brasil e busca sempre os melhores conteúdos em forma de cases e novas ferramentas para os canais da Quero Educação.