0
(0)

Notas médias do Enem apresentam queda e milhares de alunos não conseguem ingressar no ensino superior público, o que pode ser uma oportunidade de captação

Os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 foram divulgados há quase um mês. Os alunos que obtiveram as notas de corte necessárias aos cursos desejados já realizaram, inclusive, a matrícula nas instituições de ensino superior públicas participantes, por meio do Sisu, e preparam-se, agora, para ingressar no primeiro semestre letivo.

Porém, enquanto muitas universidades particulares acreditam já ter enfrentado o grande período de alta de matrículas, muitas outras oportunidades de captação têm surgido. Quer saber quais? Continue a leitura!

Milhares de estudantes não atingiram as notas de corte necessárias ao Sisu

Muito foi falado acerca da divulgação de resultados do Enem 2019. Entre os principais tópicos abordados estão a queda das notas médias dos participantes, nas quatro provas objetivas, em comparação com a edição anterior. O número de candidatos com nota mil na redação, por exemplo, caiu de 55 para 53, enquanto o de redações nota zero aumentou de 112.559 para 143.736. 

Questionado sobre a queda das médias nas notas do Enem, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, afirmou que o exame não pode ser usado para medir o ensino no país, mas que o resultado mostra que os alunos não evoluíram. “O ensino não avançou no Brasil. O resultado mostra que os alunos não apresentaram uma evolução ano contra ano.”

Vale lembrar que entre os países da América do Sul avaliados pelo Pisa (Programa Internacional de Avaliação de Estudantes, o Brasil não ficou nem entre os primeiros, nem entre os últimos colocados, considerando o desempenho geral. 

Com base nestes fatores, não é preciso muita pompa para dizer que milhares de estudantes não atingiram as notas de corte que precisavam para ingressar nos cursos e faculdades desejadas. 

1,2 milhão de participantes faltosos representam 23% do total de inscritos 

Dos 5,1 milhões de estudantes inscritos para realizar o Enem em 2019, apenas 3,9 milhões compareceram, enquanto 376 pessoas foram eliminadas por descumprirem as regras do exame. Os dados foram divulgados pelo Ministério da Educação (MEC) e pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). 

Estudantes que não realizaram o Enem também são uma excelente oportunidade de captação

O Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira recebeu em 2019, 3.687.527 pedidos de isenção da taxa de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio. Dentre os perfis de estudantes que têm direito à isenção estão:

  • Alunos que estão cursando a última série do ensino médio em escola rede pública declarada ao Censo Escolar;
  • Alunos que cursaram todo o ensino médio na rede pública ou como bolsistas integrais na rede privada e tem renda igual ou menor que um salário mínimo e meio, por pessoa;
  • Está em uma situação de vulnerabilidade socioeconômica por ser membro de família de baixa renda que tenha NIS, único e válido, além de ter renda familiar por pessoa de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos. 

Portanto, embora o número não tenha sido divulgado, nem todos os estudantes que aplicaram para a isenção, conseguiram obtê-la e realizar o exame. 

Oportunidade de captação real

O site Quero Bolsa costuma receber cerca de 2.634,718 visitas, tão logo o aluno checa os seus resultados no Exame Nacional do Ensino Médio. Destas visitas, cerca de 96.580 mil pré-matrículas são realizadas sem o uso de quaisquer notas do Enem como forma de ingresso no vestibular.

Existe uma oportunidade real de captação para estes grupos de estudantes e a sua instituição de ensino não pode perder isso. 

O grande segredo para captar estes alunos é se manter visível. Utilizar outra forma de ingresso, que não somente o Enem, manter as suas campanhas de marketing ativas e o seu portfólio de bolsas completo no site Quero Bolsa, mesmo após o período de alta do início do semestre. 

Gostaria de saber mais sobre como captar os alunos que não contam com o Enem para ingressar no ensino superior? Preencha o formulário abaixo! Um consultor entrará em contato nas próximas horas.

Até mais!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Marcelo Lima
por Marcelo Lima
Marcelo Lima trabalha para colocar estudantes na sala de aula há mais de 20 anos, como profissional de marketing educacional já trabalhou com mais 250 faculdades. É um dos pioneiros do EAD no Brasil e busca sempre os melhores conteúdos em forma de cases e novas ferramentas para os canais da Quero Educação.